Projeto Rural Sustentável – Cerrado cadastra produtores rurais em Três Lagoas

Please enter banners and links.

O Projeto Rural Sustentável – Cerrado está com polo de cadastramento de produtores e produtoras rurais até 27 de agosto em Três Lagoas. Com foco na agricultura sustentável, o Projeto apoia a implementação de tecnologias produtivas em pequenas e médias propriedades rurais, sendo: sistemas Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), e suas variações, e Recuperação de Pastagens Degradadas (RPD).

Para os produtores(as), a participação no Projeto reúne vários benefícios: assistência técnica gratuita por até 18 meses, aumento da produtividade, acesso à plataforma de Ensino a Distância (EaD), apoio e incentivo ao crédito rural e certificação, participação em Dias de Campo, capacitação rural para toda a família, dentre outros.

A equipe de campo está disponível para explicar mais sobre o projeto presencialmente, tirar dúvidas e auxiliar no processo de inscrição. São dois locais de atendimento: Sindicato Rural de Três Lagoas e Centro Rural de Arapuá.

Informações também podem ser obtidas pelos telefones 67 99938-2226 (Jessyca); 67 3521- 4049 e 98121 – 8900 (Pietra ou Juliana).

Confira os locais e datas dos polos de cadastramento em Três Lagoas:

Sindicato Rural de Três Lagoas – Av. Ranulpho Marques Leal, 1850 – Jardim Alvorada

Data: 23 a 27 de agosto – das 8h às 12h

Centro Rural Arapuá (laticínio do Arapuá) – Estrada Vicinal KM 20, S/N

Data: 23 de agosto, das 8h às 17h

Centro Rural Arapuá (Sede da Associação dos Agricultores Familiares do Assentamento Vinte de Março)

Data: 26 de agosto, das 8h às 17h

Sobre o PRS – Cerrado

O Projeto Rural Sustentável – Cerrado é financiado pela Cooperação Técnica aprovada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), com recursos do Financiamento Internacional do Clima do Governo do Reino Unido, tendo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) como beneficiário institucional. O Instituto Brasileiro de Desenvolvimento e Sustentabilidade (IABS) é o responsável pela execução e administração do projeto e a Associação Rede ILPF, por meio da Embrapa, é a responsável pela coordenação científica e apoio técnico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *