COVID-19 – Com mudança na estratégia do Governo do Estado, Saúde de Três Lagoas volta a vacinar por idade e anuncia continuação de grupos prioritários, veja

Please enter banners and links.

Três Lagoas recebeu, nesta quarta-feira (02), mais 5.949 doses da vacina contra a Covid-19 e, com isso, anuncia a ampliação da Campanha de Imunização que, agora, além de grupos com comorbidades e prioritários, passa a vacinar por faixa etária (idade), além de dar continuidade na vacinação de outros grupos anunciados anteriormente. Do total de doses, 5.595 são da marca Astrazeneca e 354 da Pfizer.

Nessa 22ª remessa, o foco é finalizar a vacinação com 1ª doses de muitos dos grupos já anunciados, bem como 2ª dose de quem já se vacinou com a 1ª dose da marca Coronavac, que, inclusive, está com baixa adesão e será a última chance da imunização para esse grupo.

TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO ACIMA DE 18 ANOS

Na sexta-feira (04), todos os trabalhadores da educação (municipais, estaduais, federais, privados, profissionalizantes e técnicos) que tenham mais de 18 anos de idade e que estejam na ativa, poderão se imunizar das 8h às 10h30 na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior).

Para se vacinar, o trabalhador deve levar algum comprovante de que está na ativa, seja um crachá atualizado ou holerite do último mês.

TRABALHADORES DA SAÚDE COM MAIS DE 18 ANOS

No sábado (05), é a vez de todos os trabalhadores da saúde com mais de 18 anos de idade se imunizarem com a 1ª dose na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior), das 8h às 10h30.

Para se vacinar, o trabalhador deve levar algum comprovante de que está na ativa, seja um crachá atualizado ou holerite do último mês.

FORÇAS ARMADAS E DE SEGURANÇA

Também com ação na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior), os servidores das Forças Armadas e Segurança continuam a se imunizar com a 1ª dose na segunda-feira (07) das 8h às 10h30 de acordo com lista prévia enviada à SMS pelas instituições.

FUNCIONÁRIOS DOS CORREIOS COM MAIS DE 18 ANOS

Na terça-feira (08), também das 8h às 10h30 na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior), os funcionários do Correios com mais de 18 anos serão imunizados com a 1ª dose.

Para se vacinar, o trabalhador deve levar algum comprovante de que está na ativa, seja um crachá atualizado ou holerite do último mês.

ÚLTIMA CHANCE PARA 2ª DOSE DE CORONAVAC

Na quarta-feira (09), das 8h às 10h30, a SMS fará a última chamada para a imunização com 2ª dose de Coronavac para aqueles que se imunizaram com a 1ª há mais de 20 dias. A ação, assim como as demais, será na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior).

Para se vacinar, a pessoa deve apresentar o Cartão de Vacinação Covid-19 (que recebeu quando tomou a 1ª dose) e um documento oficial com foto.

TRABALHADORES DO TRANSPORTE COLETIVO

Na quinta-feira (10), das 8h às 10h30, na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior), todos os trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros urbanos e de longo percurso (motoristas e cobradores), poderão se imunizar com a 1ª dose da vacina.

Para se vacinar, o trabalhador deve levar algum comprovante de que está na ativa, seja um crachá atualizado ou holerite do último mês.

GENITORES E TUTORES DOS CADASTRADOS NO BPC

Na parte da tarde, das 14h às 16h, do dia 10/06 (quinta-feira), é a vez de genitores e/ou tutores que auxiliam nos cuidados de indivíduos com deficiência permanente e necessidades especiais cadastrados no Benefício de Prestação Continuada (BPC) se vacinarem na Central de Imunização que funciona no prédio da Biblioteca Municipal Rosário Congro localizado a Rua Alexandre Costa, 241 – Centro (Circular da Lagoa Maior).

Os genitores devem apresentar a certidão de nascimento do filho (a), o cadastro no PBC e o laudo do médico que presta assistência para conseguirem se vacinar.

Já os tutores, devem apresentar documento comprobatório de concessão de tutela, o cadastro de BPC e o laudo do médico que presta assistência para conseguirem se vacinar.

PESSOAS COM COMORBIDADES PREVISTAS NO PNI COM MAIS DE 18 ANOS

Todas as pessoas com mais de 18 anos de idade e que tenham alguma comorbidade prevista no Plano Nacional de Imunização (PNI), poderão se imunizar com a 1ª dose em qualquer Unidade de Saúde da Família (USF) da Rede Municipal de Saúde a partir de segunda-feira (07) de acordo com o horário da sala de vacinação do postinho de referência do bairro.

Veja aqui a lista de comorbidades previstas no PNI

As pessoas, além de se enquadrarem na lista acima, devem comparecer na Unidade de Saúde portando laudo médico que comprove a doença ou ser cadastrado na USF (Unidade de Saúde da Família) da Rede Pública de Saúde, como paciente com a comorbidade elencada pelo PNI.

PESSOAS COM MAIS DE 55 ANOS DE IDADE

Assim como anunciado anteriormente, a Campanha de Imunização volta a vacinar por idade e, com isso, pessoas com mais de 55 anos de idade poderão procurar uma Unidade de Saúde da Família (USF) para conseguir se imunizar contra a Covid-19 a partir de segunda-feira (07).

Para receber a vacina, a pessoa deve portar algum documento oficial com foto que comprove a sua idade.

LACTANTES COM MAIS DE 18 ANOS DE IDADE

A partir de segunda-feira (07), em todas as Unidades de Saúde da Família (USF) da Rede Municipal de Saúde, as lactantes que tenham mais de 18 anos de idade com filho até 2 anos de idade poderão se imunizar contra a covid-19 de acordo com o horário de funcionamento da sala de vacinação do postinho de referência do bairro.

Para se vacinar, a lactante deve levar a certidão de nascimento do filho e um documento oficial com foto (da lactante).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *