Após ação do MP, Três Lagoas deverá receber 20 novos leitos para tratar covid-19.

Please enter banners and links.

O Município de Três Lagoas, deverá receber dezenas de novos leitos para atender pacientes com covid-19. A medida ocorre após uma ação movida pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) contra o Município de Três Lagoas e o Estado.

De acordo com o MPMA, em audiência de conciliação, realizada nesta quinta-feira (1°), foi acordado que a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Três Lagoas será 100% voltada aos atendimentos de covid e a unidade deverá ganhar 20 novos leitos em cinco dias, que se somarão aos 40 já disponíveis.

O Município e o Estado intensificarão a negociação com o Hospital Auxiliadora para aumento de mais 20 leitos covid, o qual deve dar a resposta nos próximos 30 dias.

Segundo o Promotor de Justiça Moisés Casarotto, a ampliação de leitos é fundamental em Três Lagoas para atender as pessoas que precisam de internação.

“A situação ainda é muito grave, pela altíssima taxa de contaminação e mortos na cidade nas últimas semanas, por isso as medidas de prevenção ainda são essenciais”, disse Casarotto.

Ainda, a pedido do MPMS, ficou acordado que o Estado, em 15 dias, deverá apresentar informações sobre a continuidade nas obras do Hospital Regional.

(*) Informações: MIDIAMAX – Imagem ilustrativa: Henrique Arakaki

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *