COVID-19: Média móvel registra menor patamar do ano com 10 óbitos diários na última semana

Please enter banners and links.

Há algumas semanas Mato Grosso do Sul vem registrando tendência de queda de diversos indicadores da Covid-19. Essa desaceleração é atribuída por gestores e especialistas em saúde, ao avanço da vacinação que já atinge 73,72% da população total do Estado vacinada com ao menos uma dose. 

O boletim epidemiológico desta sexta-feira (03) registrou 11 mortes: Campo Grande (+6), Coxim (+1), Dourados (+1), Nioaque (+1), Ribas do Rio Pardo (+1) e São Gabriel do Oeste (+1). Embora o número seja alto, a meta da Secretaria de Saúde (SES) é não precisar mais anunciar mortes por Covid. 

Com a atualização, a média móvel de óbitos desta sexta-feira atingiu o menor patamar do ano, indicando 10 vidas perdidas diariamente na última semana. Vale lembrar que esse mesmo indicador já esteve em 56,7 no mês de abril. Desde o início da pandemia MS já registra 9.403 mortes. 

Os novos casos também seguem em queda. Nesta sexta-feira foram confirmados mais 329 casos em Mato Grosso do Sul. A média móvel está em 255, e a taxa de contágio se manteve estável em 0.88. 

O cenário das internações também é de queda no comparativo com os últimos 14 dias. Do total de casos ativos, o Estado conta com 247 sul-mato-grossenses internados, sendo 96 em leitos clínicos e 151 em leitos de UTI. 

A taxa de ocupação de leitos SUS/UTI teve uma ligeira elevação nas macrorregiões de Campo Grande (64%), Dourados (66%) e Três Lagoas (50%). A macrorregião de Corumbá registra queda no boletim de hoje com 54%.  

Apenas 80 amostras estão em análise no Lacen e outros 1.723  casos aguardam liberação de resultados pelos municípios.  

Confira aqui o detalhamento do boletim epidemiológico Covid, desta sexta-feira, 03 de setembro de 2021.

Foto: Saul Schramm

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *