Rapaz que atirou e matou em bar disse que tinha desavença com a vítima. Kauê foi atingido no abdômen, tórax e antebraço e morreu após dez dias internado no Hospital Auxiliadora

Equipe do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Três Lagoas prenderam na manhã desta quarta-feira (1°), homem de 21 anos, investigado por atirar quatro vezes contra Kauê Marquez dos Santos, 18 anos, em um bar no Bairro Vila Haro.

Kauê estava no clube de festas na madrugada do dia 21 de novembro, quando o acusado efetuou os disparos de arma de fogo que atingiram o abdômen, tórax e antebraço do rapaz de 18 anos. A vítima chegou a ser socorrida, mas após dez dias internado, o quadro clínico agravou e ele acabou morrendo.

À polícia, o assassino, que não teve o nome revelado, contou que já tinha desavença com Kauê desde quando estiveram internados na Unei (Unidade Educacional de Internação) Tia Aurora e quando se encontraram na festa, acabaram se desentendendo novamente.

Durante a briga, o autor se apossou de uma arma de fogo, e sem que a vítima pudesse se defender, efetuou os disparos e fugiu em seguida. De acordo com o registro polícia, o investigado disse não lembrar onde jogou a arma do crime durante a fuga.

Após cumprir a prisão temporária, o investigado deve ser encaminhado para presídio local, onde ficará à disposição da Justiça.

(*) Crédito: CAMPO GRANDE NEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *